BAHIA / Jovem quilombola participa de Capacitação de Gestão na Pecuária Leiteira

Eu nasci no meio do ‘leite’, desde pequeno lido com roça e me espelho no meu pai e em meu tio que sempre trabalharam com gado. Participar desse curso é uma grande oportunidade de aprender mais e depois multiplicar com os produtores de leite da minha associação”, afirmou o jovem de 23 anos, membro da Associação Agropastoril dos Pequenos Produtores Rurais Quilombo Bebedouro, Carlos Borges, que está participando da Capacitação de Gestão na Pecuária Leiteira, em Salvador, que teve início nesta quinta (23).
Borges, que foi contemplado com uma bolsa integral pela Rehagro, empresa que está promovendo o curso, salientou que esta capacitação, somada ao aprendizado adquirido no Seminário de Produção Intensiva de Leite a Pasto e através da Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER), realizados pela SDR, por meio da Superintendência de Agricultura Familiar (SUAF), Superintendência Baiana de Assistência Técnica e Extensão Rural (BAHIATER) e a Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), no território Velho Chico, servirão para aprimorar seu conhecimento na produção de leite.

Antes a gente fazia as coisas sem cuidado, no Seminário e nas atividades de ATER tivemos instrução quanto à irrigação, plantação correta, a rotação das vacas, e assim já a produção da nossa comunidade já alcançou 1.000 litros de leite por dia”, conta o jovem agricultor, que faz parte de uma das 39 Unidades de Referências de Produção de Leite (UR's), implantadas pela SDR, numa ação integrada entre a SUAF, BAHIATER e CAR.

As UR's são áreas de agricultores familiares transformadas em ‘salas de aulas práticas’ com a finalidade de atualizar o conhecimento de técnicos e produtores e, ao mesmo tempo, servir como exemplo, ao demonstrar a viabilidade técnica, econômica, social e ambiental da produção de leite, aumentando o alcance das tecnologias adotadas e contribuindo para o aumento da produção, produtividade e rentabilidade da bovinocultura de leite dos agricultores familiares, assentados de reforma agrária, quilombolas outros segmentos de povos e comunidades tradicionais”, explica o superintendente da SUAF, Marcelo Matos.

Sobre o Curso – O curso de Capacitação de Gestão na Pecuária Leiteira é composto por 12 módulos, com encontros mensais de dois dias, com foco em produtores de leite que desejam melhorar sua capacidade de gestão. “Esse é um curso pra quem está na base, na operacionalização do dia a dia no campo. Falamos primeiramente do módulo de bases para desenvolvimento no sistema de produção, posteriormente, cada disciplina do da formação é direcionada a um setor da propriedade. Entre os temas estudados estão gestão de pessoas, planejamento forrageiro, manejo de solo, entre outros”, explica o coordenador do curso, João Paulo Pereira.

A coordenadora técnica da Bahiater, Ivani Santos, lotada no Serviço Territorial de Apoio à Agricultura Familiar (Setaf) do Território Velho Chico, tem realizado o serviço de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) com a Associação Agropastoril dos Pequenos Produtores Rurais Quilombo Bebedouro e acompanhado o desenvolvimento produtivo da entidade. “Carlos é empreendedor. Esse curso chegou na hora certa e vai ajudar a fortalecer os trabalhos para que ele entenda melhor o processo de gestão e esteja ciente do que está produzindo. Acredito que após essa formação esse jovem poderá ajudar a comunidade que tem 82 famílias, entre elas 10 que sobrevivem da produção de leite”, opina.

Por: CARBAHIA

Nenhum comentário:

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários anônimos e com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site VALBAHIANEWS.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DE VÁRZEA DA ROÇA

[VÁRZEA DA ROÇA][grids]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DA REGIÃO

[REGIÃO][btop]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DA POLÍTICA

[POLÍTICA][grids]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO ESPORTE

[ESPORTE][stack]