REGIÃO / Capim Grosso vai ganhar um novo estádio, agora será que teremos um novo futebol?

O município de Capim Grosso sempre foi centro de grandes encontros futebolísticos, principalmente nas décadas de 80 e 90, com os grandes confrontos principalmente entre Monumento e União, assim como outros duelos futebolísticos lembrados até hoje por quem acompanhou essas partidas.
Resultado: o futebol de tantas glórias, de tantos craques, de tantos momentos marcantes foi ficando esquecido, esquecido até que surgiram outros nomes que contribuíram para elevar o nome de Capim Grosso e o seu futebol, mas suas atuações foram em outros campos. Kleber de Manezão, Baiano, Edson Di, Neto Coruja.

Dos nomes citados apenas Baiano continua na ativa, os demais já encerraram a carreira.

Com o fim de uma nova geração futebolística quem vai representar Capim Grosso nos próximos anos? Nomes que estão na boca do povo como promessa de um novo ciclo e de novas referências para o futebol de Capim Grosso ainda é pouco conhecido e pouco badalado. Tem garotos bons nas escolinhas de futebol da cidade, sim, mas quem são? Em que nível estão? Quais as competições que já participaram? Por falar em competição a nível de Franciscão, o espaço maior do futebol de Capim Grosso, não registra uma competição há anos e nesse imenso vazio quantas equipes estão prontas para movimentar a nova fase estrutural do novo estádio? Quantos atletas do município terão a oportunidade de jogar? A pergunta é feita por conta de exemplos desastrosos registrados pela Liga Desportiva de Capim Grosso e à administração municipal, através do Departamento de Esportes, quando resolveram montar um time todo de fora para “representar” Capim Grosso, no Intermunicipal. Resultado: O time não deu muitos resultados e para completar não deixou nenhum legado para o nosso futebol, que vive de passado e um passado distante composto por Nildo, hoje diretor de esportes da prefeitura, Né, Gilson, Vagner, Toca Branca, dono do maior projeto social hoje da cidade, Vando, Sissi Machado, Vagner, dentre outros  que certamente sonham com o recomeço do nosso futebol, que em anos passados mesmo sem um estádio propriamente dito, o futebol era mais levado a sério do que agora com estádio, prefeitura, liga desportiva, meios de comunicação, verbas específicas para gerir o futebol, dentre outras conquistas importantes, mas distantes do espaço que durante anos sacudia os finais de semana de Capim Grosso, com jogos que lotavam o estádio e todos pagavam, mesmo sem arquibancada, sem um barzinho. O alambrado era de corda e ninguém ultrapassava a divisória, juiz não era agredido, jogadores; na verdade vivíamos uma grande festa, a festa do bom futebol e a festa do bom torcedor, que amava curtir o seu time de coração, no campo que anos mais tarde foi cercado de veloz, a chamada cerca, para anos mais tarde ganhar muros, vestiários, arquibancadas e agora depois de muitos anos ganhar uma reforma com direito a uma nova arquibancada, um novo bar e para alegria de quem pratica o futebol, um campo gramado, o sonho de muitos no passado, o sonho de muitos no presente, mas com esse a pergunta que deu título ao nosso editorial.

Capim Grosso vai ganhar um novo estádio, agora será que teremos um novo futebol?

Pelas informações trabalhadas pela administração municipal, a reforma do Franciscão acontece por conta de uma emenda parlamentar do Senador do PT, Walter Pinheiro, hoje Secretario da Educação da Bahia. A obra que já deveria ter sido concluída encontrou dificuldades na empresa que iniciou a reforma, bem como na disponibilização da verba por conta da crise política e administrativa que passa o país. Com a obra sendo recomeçada e agora com sinais de que será realmente concluída, o Estádio Francisco, homenagem do município ao amigo de Capim Grosso, o senhor Ângelo, pai de Gerson da Pousada, dentre outros, deverá em breve está sendo concluído, agora esperamos que com a conclusão da reforma, renasça também um novo futebol, com novos nomes, novos times, novas competições, novos municipais, porque caso contrário ficaremos apenas na reforma, no visual, futebol que é bom de ver jogar só na lembrança do torcedor, apenas na lembrança e nada mais.

Por: Arnaldo Silva Foto: Facebook Futebol Retrô.
“Quando vocês tiverem dúvidas quanto a que posição tomar diante de qualquer situação, atentem… Se a Rede Globo for a favor, somos contra. Se for contra, somos a favor!”
top ads

Nenhum comentário:

Obrigado pelo seu comentário. A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria e não troca de ofensas entre leitores. Comentários anônimos e com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site Val Bahia News.

SEJAM BEM VINDOS! TRABALHAMOS COM APOIO DE:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DE VÁRZEA DA ROÇA

[VÁRZEA DA ROÇA][grids]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DA REGIÃO

[REGIÃO][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DA POLÍTICA

[POLÍTICA][grids]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO ESPORTE

[ESPORTE][stack]

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

[DESTAQUE][btop]