REGIÃO / Barragem de Pedras Altas atinge nível crítico e Embasa reforça racionamento

Com a permanência da estiagem na região da Barragem de Pedras Altas, o volume do manancial chegou a um nível crítico: pouco mais de 7% da capacidade total de acumulação está disponível. Diante da iminência de esgotamento do manancial, a Embasa passa a captar, a partir de setembro, a maior parte da água ofertada na Barragem de São José do Jacuípe. Do volume total ofertado aos municípios, 30% sai da Barragem de Pedras Altas e 70% da barragem de São José do Jacuípe. Antes, essa proporção era de metade para cada barragem.
Desde o primeiro semestre deste ano, a Embasa começou o fornecimento de água em regime de racionamento na região e vinha fomentando a sensibilização da comunidade em relação ao uso racional da água. Porém, as ações não foram suficientes para contornar a situação.

Vamos ampliar a captação no manancial de São José do Jacuípe, pois essa é a alternativa mais viável para que não tenhamos uma forte restrição de oferta nos próximos meses”. Destaca o gerente regional da Embasa, Euvaldo dos Santos Neto.

Conclamamos a população a intensificar os hábitos de consumo racional da água”, acrescenta.

Qualidade da água – A barragem de São José do Jacuípe tem mais de 36 milhões de m³ de água disponíveis, suficiente para fazer o reforço do abastecimento até que haja chuvas para reposição em Pedras Altas.

Com o aumento da captação na barragem de São José do Jacuípe, a população pode notar mudanças nas características da água. A água tem teor de cloretos maior do que o habitual e, por isso, apresenta um sabor característico de sais. Esta condição não afeta a saúde e não compromete a qualidade da água nos aspectos bacteriológicos.

Municípios afetados –Capela do Alto Alegre, Capim Grosso, Gavião, Ichu, Nova Fátima, Pé de Serra, Pintadas, Quixabeira, Riachão do Jacuípe, São Domingos, São José do Jacuípe e Valente.

Por: Assessoria de Comunicação da Embasa
Este espaço não tem, e nunca teve, fins lucrativos. As eventuais propagandas são veiculadas gratuitamente, isso quando acho que merecem divulgação. Diferente do que muitos pensam, não ganho e nunca ganhei nada por acessos e/ou outras formas, com exceção da Várzea Net, pois eles me fornecem a internet, e as vezes, bem eventualmente, recebo algumas pequenas doações. Faço esse trabalho com amor, e venho tentando, de alguma forma, desfazer o que a maioria da imprensa porca e parcial, da região, vem fazendo. Não acredito que uma imprensa que se diz imparcial fique ganhando de prefeituras e/ou de qualquer político para expor seus trabalhos ou até divulgar banners dos mesmos nesses sites e blogs ditos imparciais. Damos boas vindas e agradecemos a todos pela visita. Este site é dedicado a todos os Varzeanos que estão em outras cidades e estados do Brasil, e que sentem saudades de tudo de Bom que tem neste lugar (Várzea da Roça/BA). Fiquem a vontade para acompanhar ao máximo as notícias e informações aqui divulgadas. Aproveitem para ouvir a Rádio Ouricuri.
top ads

Nenhum comentário:

Obrigado pelo seu comentário. A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria e não troca de ofensas entre leitores. Comentários anônimos e com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site Val Bahia News.

top ads

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DE VÁRZEA DA ROÇA:

[VÁRZEA DA ROÇA][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DA REGIÃO:

[REGIÃO][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DA POLÍTICA:

[POLÍTICA][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO ESPORTE

[ESPORTE][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO MEIO AMBIENTE:

[MEIO AMBIENTE][stack]