ESPORTE / Esporte Clube Bahia cala o Barradão e é o Campeão Baiano de 2018: Melhores momentos

ESQUADRÃO VOLTA VENCER O VITÓRIA E CONQUISTA O 47º TÍTULO BAIANO
De nada adiantou provocar colocando placa de “Peixe Urbano” em cima do banco de reservas. De nada adiantou tentar intimidar ou amedrontar atirando pedras no ônibus adversário. Futebol é jogado e se ganha dentro de campo. E foi isso que o Esporte Clube Bahia mostrou nos 180 minutos da final do Campeonato Baiano. Venceu o Vitória de forma incontestável na Arena Fonte Nova (2×1) e voltou vencer o rival neste domingo, por 1 a 0, gol de Elton, frustrando e calando 30 mil rubro-negros e conquistando o seu 47º título baiano, para festa da nação tricolor e felicidade do técnico Guto Ferreira que no meio da semana foi internado devido uma arritmia cardíaca e mesmo com todas as contestações e críticas em cima dele, merece os aplausos pelo enorme mérito nesse título.

Primeiro tempo de extrema superioridade do Vitória que foi mais perigoso e teve um início alucinante sufocando o rival, porém, só não balançou a rede porque faltou poder de conclusão ao ser impedido pelo goleiro Douglas, grande nome do 1º tempo com três defesas sensacionais em blitz imposta pelo Leão.

Do meio para o final, o Bahia equilibrou o jogo, teve maior posse de bola, porém, absurdamente lento na transição, pouco criativo e com futebol conservador, o que motivou a improdutividade da equipe que preferiu segurar, cadenciar do que atacar e matar logo. Exemplo disso foi o primeiro chute no gol depois de 46 minutos.

O Bahia voltou para o segundo tempo tomando a iniciativa e em excelente trama do ataque aumentou a vantagem com Elton, aos 2 minutos, dificultando a vida do Vitória que necessitaria virar para ser campeão. Com o placar favorável, Guto foi inteligente ao colocar Régis e Allione no jogo, dando um toque de qualidade ao meio-campo.

O Leão foi para o abafa em busca do empate e novamente parou no paredão Douglas em dia inspirado, pegando tudo até pensamento. Os minutos finais foram angustiantes para os rubro-negros e de enorme tranquilidade para os tricolores viram a equipe administrar o resultado aguardando o tempo passar chegando no melhor momento: O grito de campeão!

CAMPANHA: Bahia terminou a primeira fase na vice-liderança, com 20 pontos (6 triunfos, 2 empates e 1 derrota), melhor defesa da competição. Na semifinal, eliminou a Juazeirense, após empate sem gols no Adauto Moraes em Juazeiro e triunfo por 3 a 0 na Arena Fonte Nova, avançando para enfrentar na final o grande rival e com dois triunfos derrubou a vantagem rubro-negra e sagrou campeão baiano de 2018.

Por: futebolbahiano
“Quando vocês tiverem dúvidas quanto a que posição tomar diante de qualquer situação, atentem… Se a Rede Globo for a favor, somos contra. Se for contra, somos a favor!”
top ads

Nenhum comentário:

Obrigado pelo seu comentário. A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria e não troca de ofensas entre leitores. Comentários anônimos e com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site Val Bahia News.

SEJAM BEM VINDOS! TRABALHAMOS COM APOIO DE:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DE VÁRZEA DA ROÇA

[VÁRZEA DA ROÇA][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DA REGIÃO

[REGIÃO][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DA POLÍTICA

[POLÍTICA][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO ESPORTE

[ESPORTE][stack]