BRASIL / Brumadinho: 157 mortos e 182 desaparecidos

Dos mortos resgatados, 134 foram identificados. As equipes buscam, ainda, 182 desaparecidos
Brumadinho - Foto de Washington Alves - Reuters/Agência Brasil
O número de mortos em consequência do crime da Vale no rompimento da sua barragem, em Brumadinho, subiu para 157. A informação foi dada pela Defesa Civil de Minas Gerais. O rompimento se deu há duas semanas.

Dos mortos resgatados, 134 foram identificados. As equipes buscam, ainda, 182 desaparecidos. Deste contingente de vítimas, 55 são funcionários da Vale e 127 são moradores e turistas que estavam nos arredores da barragem de propriedade da mineradora.

Foram localizadas 393 pessoas, sendo 294 da lista da mineradora e 169 moradores da comunidade. A Defesa Civil registra 133 desabrigados, que foram retirados de suas casas por riscos apresentados ou por terem sido completamente destruídas.

Três pessoas estão ainda hospitalizadas.

O prefeito de Brumadinho, Avimar de Melo, em coletiva ontem, informou estar negociando com a Vale e um fundo internacional, de origem canadense, um aporte de recursos para reconstrução da cidade. Mas não informou quem são os integrantes do fundo em questão e nem os valores da ajuda.

No entanto, reiterou que continua em negociações diretas com a Vale para o apoio às vítimas do rompimento de sua barragem e o custeio das despesas de atendimento aos atingidos e da reconstrução da cidade e das estruturas devastadas ou sucateadas pela lama.

Por: jornalggn
top ads

Nenhum comentário:

Obrigado pelo seu comentário. A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria e não troca de ofensas entre leitores. Comentários anônimos e com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site Val Bahia News.

SEJAM BEM VINDOS! TRABALHAMOS COM APOIO DE:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DE VÁRZEA DA ROÇA

[VÁRZEA DA ROÇA][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DA REGIÃO

[REGIÃO][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DA POLÍTICA

[POLÍTICA][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO ESPORTE

[ESPORTE][stack]