ECONOMIA / Militares tiveram tratamento 'desproporcional' na reforma da Previdência, diz especialista

Apesar das peculiaridades do serviço militar, houve um reconhecimento "desproporcional" na hora da tesoura da reforma da Previdência chegar nos militares. A avaliação é do professor de direito previdenciário da UERJ Marcelo Tavares.
AFP 2019/ Jim WATSON
Com um governo formado por um presidente que é militar reformado, um militar da reserva no cargo de vice-presidente e oito integrantes das forças Armadas entre os 22 ministos, a avaliação de Tavares é que os militares "passaram por um tratamento diferente" e tiveram a chance de apresentar sua proposta ao próprio Jair Bolsonaro (PSL).

"Os servidores públicos e os trabalhadores não tiveram essa oportunidade."

A proposta foi elaborada pelo Ministério da Defesa. O aumento das alicotas e do tempo de contribuição foi compensado pela reestruturação da carreira militar, com a previsão de aumento de salários e benefícios.

A rigor, os militares não têm Previdência já que não se aposentam, mas passam para a reserva. Entretanto, há um sistema de pagamentos que desempenha a função previdenciária.

O projeto de reforma da Previdência dos militares deve economizar R$ 10 bilhões em 10 anos, enquanto a reforma dos civis e trabalhadores da iniciativa privada tem uma economia de R$ 1 trilhão prevista para os mesmos 10 anos.

Segundo Tavares, a proposta de reforma para os militares parece ter fustrado o ministério da Economia "que esperava um esforço maior".

Levantamento do Nexo indica que os militares representam o maior déficit per capita, R$ 115 mil, de toda a Previdência. A cifra é quase o dobro do déficit dos servidores civis e 30 vezes o registrado pelos trabalhadores do regime urbano.

Por: sputniknews
Este espaço não tem, e nunca teve, fins lucrativos. As eventuais propagandas são veiculadas gratuitamente, isso quando acho que merecem divulgação. Diferente do que muitos pensam, não ganho e nunca ganhei nada por acessos e/ou outras formas, com exceção da Várzea Net, pois eles me fornecem a internet, e as vezes, bem eventualmente, recebo algumas pequenas doações. Faço esse trabalho com amor, e venho tentando, de alguma forma, desfazer o que a maioria da imprensa porca e parcial, da região, vem fazendo. Não acredito que uma imprensa que se diz imparcial fique ganhando de prefeituras e/ou de qualquer político para expor seus trabalhos ou até divulgar banners dos mesmos nesses sites e blogs ditos imparciais. Damos boas vindas e agradecemos a todos pela visita. Este site é dedicado a todos os Varzeanos que estão em outras cidades e estados do Brasil, e que sentem saudades de tudo de Bom que tem neste lugar (Várzea da Roça/BA). Fiquem a vontade para acompanhar ao máximo as notícias e informações aqui divulgadas. Aproveitem para ouvir a Rádio Ouricuri.
top ads

Nenhum comentário:

Obrigado pelo seu comentário. A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria e não troca de ofensas entre leitores. Comentários anônimos e com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site Val Bahia News.

top ads

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DE VÁRZEA DA ROÇA:

[VÁRZEA DA ROÇA][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DA REGIÃO:

[REGIÃO][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DA POLÍTICA:

[POLÍTICA][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO ESPORTE

[ESPORTE][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO MEIO AMBIENTE:

[MEIO AMBIENTE][stack]