VÁRZEA DA ROÇA / TCM multa prefeito de Várzea da Roça e denuncia gestor ao MP por suspeita de improbidade administrativa

Foi o relator do processo, conselheiro Francisco Netto, que determinou a formulação de representação ao MP-BA para que seja apurada a prática de ato de improbidade administrativa.

TCM multa prefeito de Várzea da Roça
'Loury' é apontado pelo TCM como gestor suspeito de ter praticado improbidade | FOTO: Reprodução
O prefeito do município de Várzea da Roça, na Chapada Norte, Lourivaldo Souza Filho, o popular ‘Loury’ (MDB), foi multado em R$20 mil e teve representação encaminhada ao Ministério Público da Bahia (MP-BA) pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), na sessão desta terça-feira (21), realizada por meio eletrônico. O TCM julgou procedente o termo de ocorrência formulado contra o gestor chapadeiro em razão da contratação irregular, através de inexigibilidade de licitação, de empresas de assessoria e consultoria, sem a comprovação de atendimento aos requisitos estabelecidos pela Lei, durante o exercício de 2017.

Foi o relator do processo, conselheiro Francisco Netto, que determinou a formulação de representação ao MP-BA para que seja apurada a prática de ato de improbidade administrativa. Os conselheiros do TCM também aprovaram a multa no valor de R$20 mil. A denúncia apresentada pela 2ª Inspetoria Regional de Controle Externo do TCM questionou a legalidade das contratações, por meio de processos administrativos de inexigibilidade de licitação de diferentes empresas e profissionais.

Estão na lista de supostas irregularidades ‘Lobo & Ferraz Advogados Associados’, ‘Ronaldo Rios de Souza’, ‘Caetano & Caetano Advocacia e Consultoria – ME’, ‘Fisco Gerenciamento Tributário’ e ‘Contábil Ltda-ME, ECONTAP – Empresa de Contabilidade Pública Sociedade Simples’ (dois contratos), além de ‘Paulo João da Silva – ME’, ‘Boa Ventura e Oliveira Advogados Associados’, ‘Bárbara Rejane Souza da Silva’, ‘Ativa Projetos e Serviços Ltda-ME’ e ‘Luiz Carlos de Novaes’.

O questionamento se deu porque, para que se viabilize a contratação de serviços técnicos profissionais especializados através de processo administrativo de inexigibilidade de licitação, devem estar configuradas as exigências previstas na Lei Federal nº 8.666/93, entre elas a inviabilidade de competição, previsão no art. 13, da Lei Federal nº 8.666/93, singularidade do objeto e notória especialização do contratado.

Segundo a relatoria do TCM, foi observado, nos contratos analisados, que as atividades prestadas não apresentam características incomuns, a demonstrar que apenas determinada empresa ou profissional teriam condições de realizá-la satisfatoriamente, tendo em vista que os serviços contratados nos diversos procedimentos englobam atividades rotineiras relativas ao funcionamento da administração.

Em relação à ausência de justificativa dos preços praticados e ausência de publicidade dos termos dos processos administrativos de inexigibilidade de licitação, o relator destacou que “não foram inseridas justificativas de preços com documentos que comprovassem a realização de pesquisa de preços previamente à fase externa da licitação”.

Em sua defesa, o gestor alegou que os preços praticados “são razoáveis e compatíveis com os praticados no mercado”. Entretanto, a relatoria afirmou que a administração deve estimar o preço da licitação com base em, pelo menos, três orçamentos elaborados por fornecedores que atuam no ramo da contratação. Por fim, não foram comprovadas as publicações na imprensa oficial do termo que ratifica a inexigibilidade e dispensa de licitação, conforme previsto em Lei. Ainda cabe recurso da decisão do órgão fiscalizador.

Por: Jornal da Chapada com texto base do TCM
Este espaço não tem, e nunca teve, fins lucrativos. As eventuais propagandas são veiculadas gratuitamente, isso quando acho que merecem divulgação. Diferente do que muitos pensam, não ganho e nunca ganhei nada por acessos e/ou outras formas, com exceção da Várzea Net, pois eles me fornecem a internet, e as vezes, bem eventualmente, recebo algumas pequenas doações. Faço esse trabalho com amor, e venho tentando, de alguma forma, desfazer o que a maioria da imprensa porca e parcial, da região, vem fazendo. Não acredito que uma imprensa que se diz imparcial fique ganhando de prefeituras e/ou de qualquer político para expor seus trabalhos ou até divulgar banners dos mesmos nesses sites e blogs ditos imparciais. Damos boas vindas e agradecemos a todos pela visita. Este site é dedicado a todos os Varzeanos que estão em outras cidades e estados do Brasil, e que sentem saudades de tudo de Bom que tem neste lugar (Várzea da Roça/BA). Fiquem a vontade para acompanhar ao máximo as notícias e informações aqui divulgadas. Aproveitem para ouvir a Rádio Ouricuri.
top ads

Nenhum comentário:

Obrigado pelo seu comentário. A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria e não troca de ofensas entre leitores. Comentários anônimos e com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site Val Bahia News.

top ads

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DE VÁRZEA DA ROÇA:

[VÁRZEA DA ROÇA][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DA REGIÃO:

[REGIÃO][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DA POLÍTICA:

[POLÍTICA][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO ESPORTE

[ESPORTE][stack]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO MEIO AMBIENTE:

[MEIO AMBIENTE][stack]